Após demissão em massa, Governador de Minas retorna 1.250 servidores comissionados

Após demitir servidores que não eram concursados em massa, o governador do estado de Minas Gerais, Romeu Zema (partido Novo) revogou ontem  mais de 382 funcionários exonerados no dia de sua posse. Com isso, o número de servidores comissionados reconduzidos chegam a 1.250. O número representa 21% dos 6 mil cargos excluídos dos quadros do Executivo, com a troca de Governo no estado. De acordo com o governo de Minas, o trabalho será concluído “nos próximos dias” e haverá também remanejamento de efetivos em fim de atender a órgãos que não possuem servidores concursados.

A maioria das recontratações foram realizadas ontem e se referem à Secretaria de Estado de Educação (SEE), com 170 recontratações. Mas incluem também outros órgãos, como as secretarias de Obras, Segurança e Meio Ambiente. .

Houve também alterações nos quadros de secretarias que não farão mais parte da estrutura institucional do governador, como as pastas de Esportes e de Desenvolvimento e Integração do Norte e Nordeste de Minas (Sedinor). Isso porque a reforma administrativa de Zema precisa passar pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais.

Não foram afetados os setores das polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Fundação Hospitalar de Minas Gerais (Fhemig), Fundação Ezequiel Dias (Funed) e Centro de Hematologia e Hemoterapia do Estado de Minas Gerais (Hemominas). Entre estes órgãos trabalham cerca de 376 mil servidores ativos do estado, os cargos comissionados representam apenas 1,1% do funcionalismo público, o que corresponde à 13,6 mil pessoas.

reprodução internet

foto: Luis Ivo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s